Hocevar perde e é eliminado na estreia em Buenos Aires

O brasileiro Ricardo Hocevar não avançou além da estreia nesta segunda-feira no Challenger de Buenos Aires, que conta como etapa da Copa Petrobras. Na primeira rodada, o número 8 do Brasil encarou logo de cara o argentino Horacio Zeballos, principal favorito no saibro argentino. Em 2h07 de jogo, Hocevar perdeu por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 4/6 e 6/4.

AE, Agencia Estado

28 de setembro de 2009 | 18h14

Após eliminar o brasileiro, o cabeça de chave número 1 do torneio pode cruzar com outro argentino nas oitavas de final. O adversário de Zeballos sairá do confronto entre o local Mariano Puerta e um tenista vindo do qualifying, ainda a ser definido.

Em Buenos Aires, o Brasil tem mais três representantes, todos por fazerem suas estreias: Júlio Silva, Franco Ferreiro e João Souza. Enquanto Silva encara um jogador do qualifying, Ferreiro e Souza terão pela frente dois cabeças de chave. O primeiro enfrenta o espanhol Ruben Ramirez Hidalgo, enquanto o segundo pega o também espanhol Santiago Ventura.

O challenger argentino é a segunda de seis etapas da Copa Petrobras. A competição começou em Bogotá, na Colômbia, e ainda terá torneios no Uruguai, no Paraguai, no Chile e no Brasil, com a etapa brasileira sendo disputada em São Paulo.

DERROTAS EM QUITO - O dia também não foi bom para o Brasil no Challenger de Quito, no Equador. Os brasileiros Marcelo Demoliner e Leonardo Kirche foram eliminados logo na estreia. Demoliner caiu para o espanhol Carlos Poch Gradín por 2 sets a 0, com um duplo 6/4. Já Kirche perdeu também por 2 a 0 para o colombiano Santiago Giraldo, com um duplo 6/2.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.