João Souza cai e País tem só 2 tenistas no Brasil Open

Thomaz Bellucci e Ricardo Mello são os que continuam na luta pelo título do torneio na Costa do Sauípe

AE, Agência Estado

10 de fevereiro de 2010 | 08h44

No jogo que fechou a programação de segunda-feira no Brasil Open, encerrado apenas no início da madrugada desta terça, o brasileiro João Souza foi derrotado pelo romeno Victor Hanescu por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 e 6/4, e deu adeus ao ATP disputado na Costa do Sauipe.

Com a derrota, o Brasil somou cinco eliminações na primeira rodada da competição e agora tem apenas dois representantes na briga pelo título da chave de simples: Thomaz Bellucci e Ricardo Mello, que passaram por suas estreias. Além de João Souza, Rogério Dutra Silva, Thiago Alves, Marcos Daniel e Ricardo Hocevar perderam logo de cara.

Em outro confronto encerrado no final da programação de segunda-feira, o polonês Lukasz Kubot bateu o espanhol Oscar Hernandez por 2 sets a 0, com 7/5 e 6/2, e avançou à segunda rodada. Por uma vaga nas quartas de final, Kubot terá pela frente um outro tenista espanhol, Albert Montanes, cabeça de chave número 2 da competição.

DUPLAS

Se no torneio de simples o Brasil ficou com apenas dois representantes na busca pelo título na Costa do Sauípe, na competição de duplas o País já lamentou duas eliminações logo nos dois primeiros confrontos.

Cabeça de chave número 4, a parceria formada pelo brasileiro André Sá e o romeno Horia Tecau foi batida pelo argentino Juan Ignacio Chela e o espanhol Santiago Ventura por 2 sets a 0, com 7/5 e 6/1.

Com o resultado, Chela e Ventura enfrentarão na segunda rodada Simon Greul e o austríaco Peter Luczak, que despacharam os brasileiros Franco Ferreiro e Ricardo Mello, convidados pela organização, por 2 sets a 1, com 7/5, 2/6 e 11/9.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.