João Souza é dominado e perde de Monaco em Santiago

O brasileiro João Souza, o Feijão, considerado a maior surpresa do Torneio de Santiago (Chile), não foi páreo neste sábado para o consistente jogo do argentino Juan Monaco. Sem qualquer dificuldade, o atual número 29 do mundo dominou completamente a partida, venceu por 2 sets a 0 - com parciais de 6/1 e 6/4 - e avançou à decisão da competição.

AE, Agencia Estado

06 de fevereiro de 2010 | 22h06

O rival de Monaco, cabeça de chave número 2, será definido ainda neste sábado. O chileno Fernando González, cabeça 1 e número 11 do mundo, enfrentará o brasileiro Thomaz Bellucci, cabeça e 35.º colocado do ranking da ATP.

Em quadra, o argentino se aproveitou do nervosismo de João Souza, que saiu do qualifying e conseguiu chegar pela primeira vez na carreira a uma semifinal de ATP. Com bom jogo de fundo de quadra, Monaco conseguiu minar os golpes de Feijão e venceu a parcial com duas quebras de saque.

No segundo set, a partida começou mais equilibrada e com três saques quebrados - dois do brasileiro e uma do argentino. No quarto game, Monaco obteve nova quebra, abriu 3 a 1 e manteve seu saque até fechar a partida e avançar à decisão em Santiago.

Atual número 208 do ranking mundial da ATP, João Souza deve ganhar cerca de 40 posições por ter chegado à semifinal no Chile. Na semana que vem, jogará o Brasil Open, na Costa do Sauipe (BA), e seu adversário na estreia já está definido: o romeno Victor Hanescu, cabeça de chave número 5.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisJoão SouzaJuan Monaco

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.