Kerber abandona o Torneio de Sydney e Halep vence a primeira no ano

A preocupação com a condição física das principais tenistas do mundo para o Aberto da Austrália aumentou nesta terça-feira, quando a alemã Angelique Kerber optou por abandonar o Torneio de Sydney alegando estar com uma doença estomacal. Assim, oito das dez principais colocadas no ranking da WTA sofrerem com lesões ou doenças neste início de temporada, às vésperas do primeiro Grand Slam da temporada.

Estadão Conteúdo

12 de janeiro de 2016 | 10h17

Kerber perdeu a final do Torneio de Brisbane para a bielo-russa Victoria Azarenka na semana passada, venceu a ucraniana Elina Svitolina na primeira rodada em Sydney, antes de desistir de enfrentar a russa Ekaterina Makarova nesta terça-feira.

O Torneio de Sydney já havia perdido a polonesa Agnieszka Radwanska, a quarta colocada no ranking da WTA, por causa de uma lesão na perna, a sua atual campeã e número 6 do mundo, a checa Petra Kvitova, por um vírus estomacal, além da australiana Daria Gavrilova, campeã da Copa Hopman na semana passada, por uma contusão abdominal.

Na semana passada, outras quatro das dez primeiras colocadas do ranking desistiram de disputar torneios ou os abandonaram: a número 1 Serena Williams (Copa Hopman/joelho), a segunda colocada Simona Halep (Brisbane/tornozelo), a número 3 Garbiñe Muguruza (Brisbane/pé) e a número 5 Maria Sharapova (Brisbane/antebraço).

Nona do ranking, a checa Lucie Safarova já desistiu do Aberto da Austrália com uma infecção bacteriana, Venus Williams, a número 10 do mundo, como única jogadora do Top 10 que não sofreu com lesões ou doenças antes do Aberto da Austrália, que começa na segunda-feira - já aposentada, a italiana Flavia Pennetta está em oitavo lugar na lista.

Halep, a número 2 do mundo, mostrou sinais de melhora, deixando para trás o problema no tendão de Aquiles que forçou o seu abandono em Brisbane, para bater a francesa Caroline Garcia (34ª) por 6/4, 2/6 e 6/2 e avançar às quartas de final em Sydney, onde ela é a cabeça de chave número 1.

Também nesta terça-feira, Sara Errani (19ª) conseguiu salvar sete set points no segundo set, em que chegou a estar perdendo por 5/1, para superar a ex-número 1 do mundo Jelena Jankovic (21ª) por duplo 7/6, avançando às quartas de final.

A quinta cabeça de chave Karolina Pliskova (11ª) bateu Anastasia Pavlyuchenkova (28ª) por 6/3 e 6/0 e a oitava pré-classificada Belinda Bencic (14ª) derrotou Tsvetana Pironkova (61ª) por duplo 6/3.

Samantha Stosur (27ª) se classificou pela primeira vez em 11 anos às quartas de final em Sydney ao bater a veterana Daniela Hantuchova (88ª) por 6/4 e 6/2. A australiana foi vice-campeã do torneio em 2005. A russa Svetlana Kunzetsova (25ª) e a porto-riquenha Monica Puig (94ª) também avançaram nesta terça-feira em Sydney.

Assim, os duelos das quartas de final do torneio australiano estão definidos e serão: Halep x Pliskova, Kuznetsova x Errani, Bencic x Makarova e Puig x Stosur.

HOBART - No Torneio de Hobart, a canadense Eugenie Bouchard (47ª) deu sequência ao seu retorno ao tênis após uma lesão ao bater Alison Van Uytvanck (44ª) por 6/4 e 7/5. Ela está jogando apenas o seu terceiro torneio desde que sofreu uma concussão ao cair nos vestiário do US Open. Na semana passada, Bouchard alcançou às quartas de final em Shenzhen. Cabeça de chave número 2, Camila Giorgi (36ª) também avançou ao bater Nao Hibino (58ª) por 6/2 e 6/3.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.