Jose Sena Goulao|EFE
Jose Sena Goulao|EFE

Kyrgios derrota Coric e avança à semifinal em Estoril

Australiano ganha de crota por duplo 6/4

Estadão Conteúdo

29 de abril de 2016 | 18h21

Em um dos duelos mais aguardados do Torneio de Estoril, por contar com duas promessas da nova geração, o australiano Nick Kyrgios superou o croata Borna Coric por 2 sets a 0, com duplo 6/4. Com domínio inesperado, o segundo cabeça de chave precisou de apenas 61 minutos para fechar o confronto e garantir seu lugar na semifinal da competição portuguesa, de nível ATP 250.

Na busca pela final, Kyrgios vai encarar neste sábado o espanhol Nicolás Almagro, que bateu o argentino Leonardo Mayer por 6/4 e 7/6 (7/5). Ex-Top 10, Almagro está longe de sua melhor forma, mesmo no saibro, piso no qual é especialista. Ele ocupa somente a 71ª posição no ranking da ATP, enquanto Kyrgios é o 20º.

O australiano se tornou o maior favorito ao título nesta sexta por causa da queda do francês Gilles Simon. O cabeça número 1 foi surpreendido pelo espanhol Pablo Carreño Busta por 6/3 e 6/4. Na semifinal, o tenista da Espanha vai encerar o francês Benoit Paire. O terceiro cabeça de chave avançou ao superar outro espanhol, Guillermo Garcia-Lopez, por 7/6 (7/2) e 6/2.

TURQUIA

Os principais cabeças de chave ainda em disputa em Istambul levaram a melhor nesta sexta. Maior favorito ao título desde a queda do australiano Bernard Tomic logo na estreia, o búlgaro Grigor Dimitrov não decepcionou e eliminou o checo Jiri Vesely por 7/6(7/1) e 6/1.

Na semifinal, Dimitrov terá como desafio o poderoso saque do croata Ivo Karlovic. O terceiro cabeça de chave se manteve na briga pelo título ao superar o espanhol Marcel Granolles por 7/6 (7/2), 6/7 (5/7) e 6/4. A outra semifinal será totalmente argentina: Federico Delbonis contra Diego Schwartzman.

Delbonis despachou Albert Ramos nesta sexta-feira por 7/6 (8/6) e 6/4, enquanto Schwartzman, algoz de Tomic, bateu o bósnio Damir Dzumhur por 5/7, 7/6 (7/4) e 6/2.

Tudo o que sabemos sobre:
Nick KyrgiosGrigor DimitrovTênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.