Clive Brunskill/AFP
Clive Brunskill/AFP

Laver Cup é adiada para setembro de 2021 em razão do coronavírus

Evento de exibição - uma disputa entre um time da Europa contra o Resto do Mundo - tem apoio na organização do suíço Roger Federer

Redação, O Estado de S.Paulo

17 de abril de 2020 | 11h55

Os organizadores da Laver Cup, um torneio de exibição que faz parte do calendário da ATP e conta com a participação dos principais tenistas, anunciaram que a edição na cidade de Boston, nos Estados Unidos, que estava agendada para 25 a 27 de setembro deste ano, foi adiada para acontecer entre os dias 24 e 26 de setembro de 2021. A mudança de data se dá em razão da pandemia do coronavírus.

"Anunciamos hoje (sexta-feira) que a Laver Cup não vai ser realizada em 2020, mas vai regressar em 2021 em Boston. Isto está relacionado com as mudanças no calendário internacional que criaram conflito com outros grandes eventos do tênis internacional. A quarta edição da Laver Cup está agora prevista para Boston entre os dias 24 e 26 de setembro de 2021", informou a organização em um comunicado oficial.

O evento de exibição - uma disputa entre um time da Europa contra o Resto do Mundo - tem apoio na organização do suíço Roger Federer e já teve o espanhol Rafael Nadal e o sérvio Novak Djokovic como participantes. Mas para esse ano, com a mudança de Roland Garros, o Grand Slam francês, para o período de 20 de setembro a 4 de outubro por conta da pandemia, ficou inviável a realização da Laver Cup.

"Tínhamos que tomar uma decisão sobre a competição agora. Sabemos que os nossos fãs vão ficar desiludidos por terem que esperar mais um ano para ver a Laver Cup em Boston, mas esta decisão é tomada como consequência pelos emergentes conflitos no calendário. Nós quisemos anunciar esta decisão agora para dar certezas aos nossos jogadores, patrocinadores, imprensa, parceiros, voluntários e, claro, à grande cidade de Boston", prosseguiu o comunicado oficial.

"Nós criamos a Laver Cup para homenagear os melhores da modalidade - no passado, no presente e no futuro - e para fazer o tênis crescer. A Laver Cup está apenas no início de uma longa e incrível caminhada que vai continuar no próximo ano", encerrou a organização.

Federer expressou o seu desapontamento pelo adiamento da competição em Boston para 2021. "É uma pena que a Laver Cup tenha que ser adiada por um ano. Mas no atual cenário mundial essa é coisa certa a ser feita", afirmou o suíço pouco tempo depois do anúncio.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisRoger Federercoronavírus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.