Lisicki encara suíça na final do Torneio de Luxemburgo

As jovens Sabine Lisicki, da Alemanha, e Timea Bacsinszky, da Suíça, surpreenderam e chegaram à final do Torneio de Luxemburgo, que contou com tenistas experientes, como a belga Kim Clijsters e a suíça Patty Schnyder.

AE, Agencia Estado

24 de outubro de 2009 | 15h27

Neste sábado, as duas atletas tiveram trabalho para garantir a vaga na final. Em busca de sua primeira decisão de um torneio WTA na carreira, Bacsinszky precisou de quase duas horas de jogo para superar a belga Yanina Wickmayer, cabeça de chave número cinco, por 2 sets a 1, parciais de 3/6, 6/2 e 7/5.

Com apenas 20 anos, a suíça, número 70 do ranking, tem como melhores resultados no circuito profissional as semifinais dos Torneios de Praga e Istambul deste ano e de Antuérpia e Estrasburgo, de 2008.

Lisicki, com os mesmos 20 anos da rival de domingo, também sofreu para chegar à decisão. Ela venceu a israelense Shahar Peer por 2 a 1, parciais de 6/3, 4/6 e 7/6 (7/5), após 2h19min de confronto. A alemã vai disputar a sua terceira final da carreira. Em 2008, foi finalista em Tashkent, no Usbequistão. E, neste ano, levantou seu primeiro troféu da WTA em Charleston, nos Estados Unidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.