Mais tenistas aderem ao boicote

Seja quem for escolhido o novo capitão do Brasil na Copa Davis, a formação de uma equipe está se tornando praticamente impossível. Depois de Guga liderar o boicote, seguido por Saretta e André Sá, jogadores como Francisco Costa, Pedro Braga, Bruno Rosa e Marcelo Melo também disseram que não aceitariam uma convocação caso sejam chamados.Os quatros tenistas, que estão disputado o IV Tennis Classic, torneio da série Future, em Goiás, tinham chances de serem chamados, mas parece que a CBT também não poderá contar com eles. Assim, ficaria praticamente impossível ter uma equipe capaz de enfrentar o Paraguai, entre os dias 9 e 11 de abril.Outros tenistas - Marcos Daniel, número 192 do ranking, não se pronunciou até agora, mas é muito ligado a Guga, com quem costuma treinar. Alexandre Simoni, que está em 304º lugar do ranking, também poderia ser chamado, mas ele ainda não se manifestou - mesmo porque, não foi consultado.Nem ex-juvenis parecem aceitar uma convocação nesse momento. Pelo menos, esse é o caso de Alexandre Bonatto e Franco Ferreiro, que não aceitariam jogar.Técnico - Quanto ao novo capitão da equipe, a maior chance recai agora sobre o ex-tenista Carlos Alberto Kirmayr, que é funcionário da CBT.

Agencia Estado,

10 de março de 2004 | 19h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.