Geoff Burke/USA Today Sports
Geoff Burke/USA Today Sports

Melo perde final de duplas para os irmãos Bryan em Washington

Brasileiro e croata Ivan Dodig foram superados por 2 sets a 0

Estadão Conteúdo

09 de agosto de 2015 | 16h01

O mineiro Marcelo Melo não conseguiu repetir as boas atuações da semana no Torneio de Washington e caiu, ao lado de seu parceiro de duplas, o croata Ivan Dodig, para a dupla formada pelos irmãos norte-americanos Bob e Mike Bryan neste domingo. Sem enfrentar break points em 55 minutos, a dupla número 1 do mundo venceu a decisão por 6/4 e 6/2 e ficaram com o tetracampeonato do ATP 500 de Washington neste domingo.

Os irmãos Bryan confirmam assim o 108º título da parceria mais vitoriosa do tênis em 160 decisões. Na capital americana, os gêmeos já haviam triunfado entre 2005 e 2007. Em seis finais na temporada deste ano, Bob e Mike Bryan só perderam em uma ocasião, justamente para os rivais deste domingo, em Roland Garros, há dois meses.

A final deste domingo foi a 10ª que Melo e Dodig disputaram juntos, com três troféus conquistados até agora. Além do maior título, no Grand Slam francês, eles faturaram o ATP 500 de Acapulco em 2015. No total, o mineiro soma 15 conquistas e 18 vices na carreira. Com a vitória, a dupla Bob e Mike reassume a liderança no ranking desta temporada, ultrapassando o holandês Jean Julien-Rojer e o romeno Horia Tecau. A dupla Melo e Dodig somou 300 pontos com o vice e segue na 3ª posição, a 325 pontos dos líderes.

O JOGO

A final começou com uma quebra no game inicial do serviço da dupla do brasileiro. Apesar de um início equilibrado - quatro games seguidos chegaram a 30-30 e foram vencidos pelos sacadores, Melo e Dodig não conseguiram criar chances de quebra e perderam o set.

Com 1/1 na segunda parcial, Melo perdeu o serviço e Dodig também foi quebrado no quinto game. Com um saque bem efetivo, os irmãos Bryan seguiram firmes e fecharam o jogo em um smash de Bob, seguido pela tradicional comemoração da dupla.

As duas parcerias seguem para o Masters 1000 de Montréal. Bob e Mike são os favoritos, enquanto Melo e Dodig aparecem como cabeça de chave número 2, esperando Pablo Cuevas e David Marrero ou Daniel Nestor e Edouard Roger-Vasselin na estreia.

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.