Marcos Daniel se machuca e deixa torneio em Aracaju

O número 1 do Brasil também não teve sorte nesta terça. Após dois títulos seguidos em torneios challenger na Colômbia (Cali e Bogotá), Marcos Daniel teve que abandonar o Torneio Challenger de Aracaju (SE), que vale como a segunda etapa da Copa Petrobras, por causa de uma contusão.O gaúcho torceu o pé quando perdia o primeiro set por 3 games a 2, com uma quebra atrás, na estréia contra o compatriota Tiago Lopes, que veio do qualifying. Cansado e sentindo dores na perna esquerda e nas costas, Daniel chegou bem para a partida, mas deu azar. Em um contra-ataque de Lopes, girou o corpo e torceu o tornozelo. Depois de atendimento médico, tentou ainda voltar, mas preferiu em seguida não arriscar.Tiago Lopes, 502.º do ranking da ATP, ganhou de presente as oitavas-de-final da competição. Ele vai enfrentar agora o compatriota Rogério Dutra Silva, que também avançou beneficiado pelo abandono do adversário, o gaúcho André Ghem, quando Silva liderava por 6/3, 4/6 e 3/1.Em outro duelo brasileiro, o gaúcho Marcelo Demoliener avançou com a vitória sobre o paulista Ricardo Hocevar por 2 sets a 0 - com parciais de 7/6 (8/6) e 6/4.Em confrontos contra estrangeiros, o Brasil foi mal. O juvenil José Pereira, convidado da organização, teve chances no primeiro set antes de perder para o experiente colombiano Juan Sebastian Cabal por 2 sets a 0 - parciais de 7/6 (7/5) e 6/3. Eric Gomes enfrentou um adversário agressivo e regular no fundo de quadra e caiu também por 2 a 0 (6/3 e 6/2) diante do checo Adam Vejmelka.

AE, Agencia Estado

30 de setembro de 2008 | 20h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.