Kathy Willens/AP
Kathy Willens/AP

Sharapova derrota norte-americana e avança às oitavas de final do US Open

Convidada, tenista russa passa pela jovem Sofia Kenin por 2 sets a 0 e enfrentará a letã Anastasija Sevastova

Estadão Conteúdo

02 de setembro de 2017 | 01h02

Em seu primeiro Grand Slam desde que retornou de um período de 15 meses suspensa por doping, a tenista russa Maria Sharapova está nas oitavas de final do US Open, nas quadras duras do Complexo de Flushing Meadows, em Nova York. Nesta sexta-feira, pela terceira rodada, passou pela jovem norte-americana Sofia Kenin, de apenas 18 anos, por 2 sets a 0 - com parciais de 7/5 e 6/2, em 1 hora e 44 minutos.

Nos dois primeiros jogos no US Open - contra a romena Simona Halep, número 2 do mundo, e contra a húngara Timea Babos -, Maria Sharapova teve que jogar três sets. Nesta sexta-feira, mais solta contra a atual número 139 do ranking da WTA, mostrou toda a sua experiência na Arthur Ashe Stadium, a quadra principal da competição.

Com as três vitórias obtidas no Grand Slam norte-americano, Maria Sharapova já deve ganhar inúmeras posições no ranking da WTA, saindo do 146.º lugar e entrando no Top 100. Assim, poderá continuar a temporada e jogar o Aberto da Austrália, o primeiro Major de 2018, sem precisar de convite, como aconteceu em 2017 desde a sua volta ao circuito profissional.

Campeã do US Open em 2006 e semifinalista em outras duas ocasiões, Maria Sharapova repete o resultado de sua última participação, em 2014. Nas oitavas de final, terá um duelo inédito contra Anastasija Sevastova, atual 17.ª do mundo. A tenista da Letônia, de 27 anos, venceu nesta sexta-feira a croata Donna Vekic, algoz da brasileira Beatriz Haddad Maia na primeira rodada, por 2 sets a 0 - com parciais de 6/2 e 6/3.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.