Chris Young/AP
Chris Young/AP

Maria Sharapova sofre com erros, mas avança em Toronto

De volta ao circutio depois da lesão no ombro, russa cometeu 18 duplas faltas na vitória sobre austríaca

AE, Agencia Estado

19 de agosto de 2009 | 17h43

Ex-número 1 do mundo, a russa Maria Sharapova sofreu com os próprios erros nesta quarta-feira, mas conseguiu superar a austríaca Sybille Bammer, por 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 7/6 (7/5), e garantiu vaga nas oitavas de final do Torneio de Toronto, no Canadá.

Veja também:

linkRussa Dinara Safina perde de virada na estreia em Toronto

 

Sharapova voltou a mostrar dificuldade no saque, diante de uma adversária que eliminou a norte-americana Serena Williams em Cincinnati na semana passada. A russa cometeu impressionantes 17 duplas faltas e acabou perdendo o saque por quatro vezes.

A russa, porém, obteve cinco quebras sobre Bammer, número 29 do ranking, e conseguiu abrir vantagem para fechar a partida após 2 horas e 11 minutos. Nas oitavas, Sharapova terá pela frente a compatriota Vera Zvonareva, número 7 do mundo.

Também nesta quarta, a sérvia Jelena Jankovic, nova número quatro do ranking, estreou na competição sem sobressaltos. Passou pela suíça Patty Schnyder por 7/5 e 6/4. Campeã em Cincinnati no domingo, Jankovic vai enfrentar nas oitavas a vencedora do confronto entre a bielo-russa Victoria Azarenka e a belga Kim Clijsters.

Depois de perder o posto de número 4 para Jankovic no sábado passado, a russa Elena Dementieva também estreou com uma vitória tranquila em Toronto. Nesta quarta, ela derrotou a japonesa Ai Sugiyama por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2. Agora Dementieva vai encarar a israelense Shahar Peer, que bateu a italiana Francesca Schiavone.

Ainda pela segunda rodada, a dinamarquesa Caroline Wozniacki, 8.ª do ranking, se despediu da competição logo em sua estreia. Ela foi derrotada pela chinesa Jie Zheng por 7/5 e 6/3. Outra favorita, a italiana Flavia Pennetta, número 10 do mundo, caiu diante da francesa Virginie Razzano por 6/3 e 6/1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.