Masters Cup acirra briga por vagas

A apenas três semanas do encerramento da temporada regular do tênis, a briga pelas últimas quatro vagas - do total de oito - para o mundial, o Masters Cup de Houston, está intensa. Há pelo menos 11 jogadores com chances de ainda conseguir a classificação. Por isso, os torneios de Madri, esta semana; São Petersburgo, na próxima; e Paris, a seguir, serão decisivos para levar os melhores da temporada para os Estados Unidos, de 13 a 21 de novembro, na disputa da maior premiação individual do tênis.Em Houston, apenas oito jogadores, dividem prêmios superiores a US$ 3 milhões. Ano passado, o campeão, Roger Federer, embolsou um cheque de US 1,520 milhão e somou 750 pontos para o ranking, quase a mesma pontuação de um Grand Slam. Na briga pelas quatro vagas restantes estão nomes como os de Andre Agassi, Marat Safin, Carlos Moyá e Tim Henman, entre outros grandes do tênis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.