Mello diz que sentiu ?bons fluídos?

Feliz com o bom resultado na sua estréia em jogos da Copa Davis - venceu Michael Quintero por 6/3, 6/4 e 6/3, dando o segundo ponto para o Brasil no confronto contra a Colômbia - Ricardo Mello confessou ter se sentido especialmente motivado para este jogo. Revelou ainda que o espírito de equipe foi muito importante para manter a concentração durante toda a partida e vibrar a cada ponto."A Davis é realmente diferente de outros torneios", afirmou Mello. "É muito importante vibrar nos pontos e nos momentos mais difíceis sempre olhava para a equipe e dava para sentir os bons fluídos".Para Mello este incentivo vindo de toda equipe o ajudou a superar algumas dificuldades na partida, como o cansaço por causa da altitude de Bogotá. "Depois de um ponto mais longo, sentia a falta de oxigênio e nestas horas era importante saber que tinha o apoio do Meligeni e dos outros jogadores para manter a concentração na partida."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.