Mello já encosta em Guga no ranking

Os bons resultados, como o recente título do Aberto de São Paulo, levaram Ricardo Mello à melhor posição de sua carreira no ranking mundial. Em lista divulgada nesta segunda-feira, pouco antes do início do Australian Open, em Melbourne, o tenista brasileiro aparece na 59ª colocação. Desde o segundo semestre da temporada passada, Ricardo Mello vem conseguindo boas campanhas e já começa a aproximar-se do número 1 do Brasil, Gustavo Kuerten. Afinal, Guga, em recuperação da cirurgia no quadril, não joga desde setembro e, ao não defender os pontos conquistados nas semifinais do Torneio de Auckland de 2004, caiu para a 45ª posição no ranking.Guga ainda deverá perder pontos importantes, agora em fevereiro, como os da final do ATP de Viña Del Mar ou mesmo do título do Brasil Open, na Costa do Sauípe, que poderiam levá-lo a ficar perto dos 70 primeiros do mundo. Só que, segundo regra da ATP, em se confirmando o fato de o brasileiro ficar afastado dos torneios por seis meses, o ranking dele será "congelado", levando-se em conta a média de suas colocações nos três primeiros meses de afastamento. Sendo assim, quando Guga voltar às quadras, provavelmente em abril, estará próximo da 40ª colocação do ranking mundial.A liderança do ranking mundial continua nas mãos do suíço Roger Federer, tanto na lista de entradas quanto na Corrida dos Campeões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.