Melo bate Demoliner em duelo brasileiro nas duplas do Masters de Miami

Favorito derrota compatriota ao lado de Lukasz Kubot, por 2 sets a 1

Estadão Conteúdo

25 de março de 2017 | 21h06

Em duelo brasileiro que marcou a primeira rodada de duplas do Masters 1000 de Miami, Marcelo Melo levou a melhor sobre o xará Marcelo Demoliner em confronto válido pela primeira rodada do torneio norte-americano. Cabeça de chave número 6 da competição ao lado do polonês Lukasz Kubot, Melo venceu o seu compatriota e o neozelandês Marcus Daniell por 2 sets a 1, de virada, com 2/6, 7/6 (7/0) e 10/7.

Assim, Melo e Kubot foram à segunda rodada e se credenciaram para enfrentar na próxima fase o holandês Jean-Julien Rojer e o romeno Horia Tecau, que em outro confronto deste sábado derrotaram o sérvio Viktor Troicki e o neozelandês Michael Venus com parciais de 6/4 e 7/5.

Caso volte a vencer neste próximo desafio, Melo poderá travar um novo confronto brasileiro nas quartas de final, pois quem ganhar este jogo irá encarar os ganhadores da partida entre a dupla formada pelo brasileiro Bruno Soares e o britânico Jamie Murray e a parceria firmada pelo italiano Paolo Lorenzi e o português João Sousa.

CHUVA

O jogo envolvendo Melo e Demoliner neste sábado ocorreu bem antes de a chuva começar a atrapalhar a programação de partidas do dia em Miami. Por causa do clima ruim, três duelos da chave de simples precisaram ser interrompidos enquanto estavam em andamento.

Um deles envolvia o austríaco Dominic Thiem, sexto pré-classificado, que lutava para fechar o segundo set contra o croata Borna Coric quando liderava por 5/4 e viu a partida ser paralisada. Antes disso, ele foi surpreendido na primeira parcial com uma derrota por 6/1.

Outro jogo interrompido no segundo set, mas com empate em 4/4, foi o entre o espanhol Roberto Bautista Agut e o casaque Mikhail Kukushkin, derrotado na primeira parcial por 6/3.

Já o duelo entre o croata Ivo Karlovic e o russo Andrey Kuznetsov foi interrompido já no primeiro set, quando o segundo destes tenistas liderava por 6/5.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisMarcelo Melo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.