Sarah Stier/AFP
Sarah Stier/AFP

Melo e Kubot vencem jogo de estreia no sufoco e avançam no Masters 1000 de Madri

Brasileiro e polonês derrotam McLachlan/Struff em três sets e aguardam adversários nas oitavas de final

Redação, Estadão Conteúdo

06 de maio de 2019 | 11h02

O brasileiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot tiveram bastante trabalho nesta segunda-feira para passar pelo jogo de estreia e avançar na chave de duplas do Masters 1000 de Madri, disputado em quadras de saibro na Espanha. Cabeças de chave número 2 da competição, eles sofreram para superar o japonês Ben McLachlan e o alemão Jan-Lennard Struff por 2 sets a 1 - com parciais de 7/5, 5/7 e 10 a 6 no match tie-break, após 1 hora e 47 minutos.

Classificados às oitavas de final do torneio no qual foram campeões em 2017 e pararam nas quartas de final no ano passado, Melo e Kubot conhecerão apenas nesta terça-feira os seus próximos adversários. Eles sairão do confronto entre os irmãos alemães Alexander e Mischa Zverev e a parceria formada pelo holandês Robin Haase e o sul-africano Raven Klaasen.

Melo é o sétimo no ranking mundial individual de duplas, somando 5.890 pontos, com Kubot em quarto (6.160). Juntos estão na sexta colocação com 1.230 pontos na Corrida para Londres, que define as oito melhores parcerias para a disputa do ATP Finals, no encerramento da temporada, em novembro. Ainda sem títulos em 2019, os dois chegaram à final do Masters 1000 de Indian Wells, nos Estados Unidos, em março. Sobre o saibro europeu, fizeram quartas de final em Montecarlo, outro Masters 1000, e no ATP 500 de Barcelona.

Outros dois brasileiros estão na disputa em Madri. O mineiro Bruno Soares, ao lado de seu habitual parceiro Jamie Murray, estreiam contra a dupla formada pelo romeno Radu Albot e o georgiano Nikoloz Basilashvili. O gaúcho Marcelo Demoliner jogará ao lado do russo Daniil Medvedev e farão a primeira partida na competição contra o sérvio Dusan Lajovic e o holandês Matwe Middelkoop.

Em outro jogo de destaque da chave de duplas, o argentino Juan Martin Del Potro fez a sua volta às quadras após se recuperar de uma grave lesão no joelho direito. Ele e o japonês Kei Nishikori venceram de virada o italiano Fabio Fognini e o sueco Robert Lindstedt por 2 sets a 1 - parciais de 5/7, 6/4 e 10 a 4 no match tie-break. Nas oitavas de final poderão encarar Soares e Murray.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisMarcelo MeloLukasz Kubot

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.