Aaron Favila/AP
Aaron Favila/AP

Muguruza e Kerber avançam à 3ª rodada; Azarenka arrasa rival

Tenistas confirmam favoritismo e avançam no Aberto da Austrália

Estadão Conteúdo

21 de janeiro de 2016 | 10h32

Garbiñe Muguruza e Angelique Kerber fizeram valer com relativa tranquilidade a condição de respectivas terceira e sétima cabeças de chave do Aberto da Austrália, nesta quinta-feira, em Melbourne. A tenista espanhola venceu a belga Kirsten Flipkens por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2, para ir à terceira rodada do Grand Slam. Já a jogadora alemã superou a romena Alexandra Dulgheru por 6/2 e 6/4.

Com o triunfo, Muguruza se credenciou para enfrentar na próxima fase a checa Barbora Strycova, que em outro jogo do dia derrotou a norte-americana Vania King por 2 sets a 0, com 7/6 (7/5) e 6/4. Já Kerber medirá forças com a norte-americana Madison Brengle, que eliminou a sueca Johanna Larsson com 7/5, 4/6 e 6/1.

Atual terceira colocada do ranking mundial, Muguruza chegou a sofrer uma quebra de saque em cada set do jogo com Flipkens, mas converteu cinco de 12 break points para liquidar o duelo em 79 minutos. Ela teve um pouco mais de trabalho do que esperava para despachar a atual 80ª tenista do mundo também pelo fato de que cometeu 29 erros não forçados, compensados com 23 winners. A belga, por sua vez, acumulou míseras seis bolas vencedoras e cometeu 21 erros não forçados.

Já Kerber, assim como Muguruza, sofreu uma quebra de saque em cada parcial do duelo com Dulgheru, mas também converteu cinco break points para fechar a partida em 73 minutos. Hoje na sexta posição do ranking mundial, a alemã assim despachou a atual 61ª colocada da WTA e seguiu em frente no primeiro Grand Slam do ano.

AZARENKA EMBALADA

Após aplicar uma "bicicleta" (duplo 6/0) na belga Alison van Uytvanck em sua estreia no Aberto da Austrália, a bielo-russa Victoria Azarenka arrasou mais uma adversária, nesta quinta-feira, para garantir lugar na terceira rodada em Melbourne.

Desta vez a 16ª tenista do mundo e ex-líder do ranking superou a montenegrina Danka Kovinic por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/2, em apenas 63 minutos. A 14ª cabeça de chave da competição confirmou todos os seus saques sem oferecer chances de quebra e ainda converteu cinco de dez break points para ganhar o jogo com autoridade.

A próxima rival de Azarenka será a japonesa Naomi Osaka, que surpreendeu nesta quinta ao eliminar a ucraniana Elina Svitolina, 18ª cabeça de chave, por duplo 6/4.

Outra cabeça de chave que ficou pelo caminho nesta segunda rodada em Melbourne foi a suíça Timea Bacsinszky, 11ª pré-classificada, que acabou sendo batida com facilidade pela alemã Annika Beck por 6/2 e 6/3. E a próxima rival de Beck será outra surpresa. Trata-se da sua compatriota Laura Siegemund, que superou de virada a sérvia Jelena Jankovic, ex-líder do ranking mundial, com parciais de 3/6, 7/6 (7/5) e 6/4.

Já a sérvia Ana Ivanovic, outra ex-número 1 do mundo, se garantiu na terceira rodada ao bater a letã Anastasija Sevastova por duplo 6/3. Assim, ela se credenciou para encarar na próxima fase a norte-americana Madison Keys, 15ª cabeça de chave, que superou a casaque Yaroslava Shvedova por 2 sets a 1, de virada, com 6/7 (4/7), 6/3 e 6/3.

ALGOZ DE HALEP AVANÇA

Surpreendente algoz da romena Simona Halep, vice-líder do ranking mundial, na estreia na Austrália, a chinesa Shuai Zhang assegurou lugar na terceira fase do Grand Slam ao desta vez superar a francesa Alize Cornet por duplo 6/3. Assim, a tenista oriental travará duelo agora com a norte-americana Varvara Lepchenko, que em outro jogo do dia venceu a espanhola Lara Arruabarrena por 7/6 (9/7) e 6/4.

A russa Ekaterina Makarova, 21ª cabeça de chave, também foi à terceira rodada nesta quinta ao bater a alemã Tatjana Maria por 2 sets a 0. Já a alemã Sabine Lisicki, 30ª pré-classificada, acabou eliminada pela checa Denisa Allertova ao cair por 2 sets a 1. A britânica Johanna Konta, por sua vez, avançou ao vencer a chinesa Saisai Zheng por 2 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • Raí valoriza montagem do elenco do São Paulo para o Brasileirão
  • Em crise, Figueirense se movimenta para evitar novo W.O.
  • Corinthians, Palmeiras e São Paulo tem as melhores defesas do Campeonato Brasileiro
  • Podcast: personalidades do esporte analisam a situação do futebol no Brasil
  • Bruno Henrique vibra com gols no Maracanã: 'Semana mais feliz da minha vida'

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.