Barbara alton/EFE
Barbara alton/EFE

Murray arrasa Melzer e vai às quartas de final do Aberto da Austrália

Britânico detona o austríaco em Melbourne por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/1 e 6/1

AE, Agência Estado

24 de janeiro de 2011 | 07h56

Andy Murray avançou às quartas de final do Aberto da Austrália de forma arrasadora. O tenista britânico não tomou conhecimento do austríaco Jurgen Melzer, número 11 do mundo, e o despachou para casa com uma incontestável vitória por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/1 e 6/1, em apenas 1 hora e 43 minutos, na madrugada desta segunda-feira (pelo horário de Brasília).

A boa fase de Murray pode ser medida pela quantidade de erros não forçados no jogo desta segunda: apenas 10. O quinto colocado do ranking da ATP só teve o serviço quebrado uma vez durante todo o confronto com Melzer. Ele ainda não perdeu nenhum set em Melbourne e cedeu, ao todo, somente 22 games em cinco jogos - nenhum adversário seu conseguiu fazer três games numa mesma parcial até agora.

Vice-campeão do Aberto da Austrália no ano passado, Murray terá pela frente uma surpresa: o ucraniano Alexandr Dolgopolov, 46.º do mundo, que surpreendeu o sueco Robin Soderling, quarto colocado do ranking, por 3 sets a 2, com parciais de 1/6, 6/3, 6/1, 4/6 e 6/2. Os dois enfrentaram-se apenas uma vez, há cinco anos, pela Copa Davis, com triunfo do britânico.

Em outro jogo disputado nesta madrugada, o espanhol David Ferrer superou o canadense Milos Raonic por 3 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/2, 6/3 e 6/4, em 2 horas e 35 minutos. Como Murray, o sétimo tenista do mundo teve uma atuação segura e cometeu apenas dez erros não forçados, contra 68 do rival, que veio do qualificatório.

O próximo adversário de Ferrer será seu compatriota Rafael Nadal, líder do ranking.

(Atualizado às 10h32)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.