Philip Hollis/Reuters
Philip Hollis/Reuters

Murray e Beckham em campanha contra malária na África

Tenista da Escócia e jogador inglês pedem o apoio do primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown

EFE,

20 de abril de 2009 | 19h17

O meia inglês David Beckham e o tenista escocês Andy Murray visitaram nesta segunda-feira o primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, para pedir fundos à campanha de combate à malária na África.

Ambos compareceram a Downing Street, residência e escritório oficial do premiê, junto com a atleta Denise Lewis, do heptatlo. Eles querem que Brown cumpra a promessa de doar 20 milhões de mosquiteiros a países africanos para lutar contra a doença antes do próximo ano.

Eles foram nomeados membros de um conselho da campanha, cuja apresentação foi feita nesta segunda. A porta do escritório de Brown foi coberta com um mosquiteiro, de modo simbólico.

"É possível proteger uma família da morte por menos que o custo de uma bola de futebol. Temos de apoiar a campanha para salvar vidas", comentou Beckham, que mostrou confiança na eficiência das medidas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.