Murray vence Baghdatis e vai às oitavas em Wimbledon

O britânico Andy Murray teve dificuldade, tomou um susto no segundo set, mas conseguiu vencer o cipriota Marcos Baghdatis e avançar às oitavas de final do Torneio de Wimbledon. Neste sábado, o tenista da casa precisou de três horas e 13 minutos para fazer 7/5, 3/6, 7/5 e 6/1 e despachar o adversário.

AE, Agência Estado

30 de junho de 2012 | 19h20

Com o apoio da torcida, o cabeça de chave número quatro do torneio começou a partida oscilando bons e maus momentos, mas se estabilizou e, depois de uma vitória disputada no quarto set, passeou no final da partida. Foram dez aces para Murray, contra cinco de Baghdatis, além de 23 erros não forçados do britânicos e 32 do cipriota.

Na próxima fase, Murray enfrentará o croata Marin Cilic, que venceu um confronto histórico com o norte-americano Sam Querrey, também neste sábado. A partida foi uma verdadeira batalha e Cilic só saiu vencedor no quinto set, que foi definido depois de 32 games.

Com o triunfo por 7/6 (8/6), 6/4, 6/7 (2/7), 6/7 (3/7) e 17/15, o tenista da Croácia venceu aquele que foi o segundo jogo mais longo da história de Wimbledon, após cinco horas e 31 minutos. A partida fica atrás apenas da impressionante vitória de John Isner sobre Nicolas Mahut em 2010, que durou 11 horas e cinco minutos e teve como placar no quinto set 70 a 68.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.