Murray vence Davydenko na estreia em Wimbledon

O britânico Andy Murray começou bem a sua participação em Wimbledon, o terceiro Grand Slam da temporada, disputado em quadras de grama. Em Londres, o tenista da casa, que está em quarto lugar no ranking da ATP, derrotou o russo Nikolay Davydenko, número 47 do mundo, por 3 sets a 0, com parciais de 6/1, 6/1 e 6/4, em 1 hora e 34 minutos.

AE, Agência Estado

26 de junho de 2012 | 16h11

Murray tem o apoio da torcida em Wimbledon, mas também enfrenta o desafio de encerrar um longo jejum dos tenistas britânicos, que não vencem o Grand Slam londrino desde 1936, quando Fred Perry foi campeão. Na sua estreia, porém, ele não sentiu a pressão diante do ex-número 3 do mundo, de 31 anos, e ampliou a sua vantagem no confronto direto para 6 a 4.

Nesta terça-feira, Murray foi impecável nos dois primeiros sets e também no começo do terceiro quando abriu 2/0. Davydenko ainda chegou a equilibrar a última parcial, mas não conseguiu impedir o triunfo do britânico por 6/4. Na segunda rodada, o número 4 do mundo vai enfrentar o vencedor do duelo entre o croata Ivo Karlovic e o israelense Dudi Sela.

O argentino Juan Martin del Potro avançou para a segunda rodada de Wimbledon ao vencer o holandês Robin Haase, 41º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 1, com parciais de 6/4, 3/6, 7/6 (7/3) e 7/5. O próximo oponente do número 9 do mundo será o japonês Go Soeda, que passou por Igor Kunitsyn (6/3, 6/2 e 6/1).

Em duelo entre tenistas alemães, Philipp Kohlschreiber avançou em Wimbledon ao derrotar Tommy Haas, 50º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 2, com parciais de 3/6, 7/6 (10/8), 6/7 (5/7), 7/6 (7/1) e 6/2. Na segunda rodada, o número 30 do mundo vai encarar o tunisiano Malek Jaziri que bateu o estoniano Jurgen Zopp (4/6, 4/6, 6/3, 6/4 e 9/7).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.