Murray vence Wawrinka e avança em Wimbledon

O britânico Andy Murray precisou de 3 horas e 57 minutos para se classificar às quartas de final de Wimbledon. Nesta segunda-feira, ele superou o suíço Stanilas Wawrinka por 3 sets a 2, com parciais de 2/6, 6/3, 6/3, 5/7 e 6/3, e manteve as esperanças de um anfitrião ser campeão do Grand Slam após 73 anos.

AE, Agencia Estado

29 de junho de 2009 | 19h04

Murray foi surpreendido pela agressividade de Wawrinka, que dominou o primeiro set, abriu 4/0 e venceu por 6/3. O britânico, porém, reagiu e ganhou as duas parciais seguintes por 6/3. Com um poderoso saque, Wawrinka equilibrou a disputa no quarto set, conseguiu uma quebra de serviço no 11.º game e venceu por 7/5.

A partida parecia decidida na última parcial, quando Murray abriu 3/0. Porém, o tenista suíço reagiu e empatou o jogo em 3/3. No oitavo game, o britânico conseguiu nova quebra, decisiva para fechar o set em 6/3.

Nas quartas de final, Andy Murray vai enfrentar o espanhol Juan Carlos Ferrero. O ex-número 1 do mundo venceu o francês Gilles Simon, algoz do brasileiro Thiago Alves e cabeça-de-chave número 8, por 3 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4), 6/3 e 6/2, em 1 hora e 58 minutos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.