Fiona Hamilton/EFE
Fiona Hamilton/EFE

Na Li festeja título na Austrália: 'Finalmente consegui'

Chinesa confessa que o Aberto da Austrália é seu Grand Slam favorito

Agência Estado

25 de janeiro de 2014 | 10h09

MELBOURNE - Após dois vice-campeonatos, enfim, a chinesa Na Li conseguiu comemorar um título do Aberto da Austrália. Neste sábado, a número 4 do mundo sagrou-se campeã em Melbourne ao derrotar na decisão a eslovaca Dominika Cibulkova por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 e 6/0, e festejou o fim do jejum.

"Eu finalmente consegui", disse Na Li, que perdeu a decisão de 2011 para a belga Kim Clijsters e a de 2013 para a bielorrussa Victoria Azarenka. "As duas últimas vezes foram muito próximas. Mas primeiro eu quero parabenizar Domi. Você fez um torneio muito bom aqui, e eu quero lhe desejar o melhor para o futuro".

Em seu discurso após a conquista, Na Li aproveitou para agradecer ao seu empresário, Max, por "fazê-la rica" e ao seu marido, Shan Jiang, "por ser um cara muito legal", além de revelar o seu apreço pelo Aberto da Austrália. "Eu tenho que dizer que este é o meu Grand Slam favorito", acrescentou. "Eu mal posso esperar para voltar".

O título do Aberto da Austrália foi o segundo de um torneio do Grand Slam na carreira de Na Li, que foi campeã em Roland Garros. A vitória deste sábado a levou a abrir 5 a 0 no confronto direto com Cibulkova e a tornou a quarta tenista mais experiente, aos 31 anos e 334 dias, a vencer um dos quatro principais torneios do tênis - Martina Navratilova é a recordista, com a conquista de Wimbledon em 1990, quando tinha 33 anos e 263 dias.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisAbertto da AustráliaNa Li

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.