Na Li vence e encara Sharapova na final em Stuttgart

STUTTGART - A chinesa Na Li não deu chances a "zebra" neste sábado e conquistou seu lugar na final do Torneio de Stuttgart, na Alemanha. A número cinco do mundo derrotou em sets diretos a norte-americana Bethanie Mattek-Sands por 6/4 e 6/3 e se credenciou para o confronto com a russa Maria Sharapova, principal favorita ao título.

Agência Estado

27 de abril de 2013 | 16h09

Embalada no saibro alemão, Na Li terá a chance de repetir a atuação que causou a eliminação da russa na semifinal do Aberto da Austrália, em janeiro. Ela também vai buscar reduzir a vantagem da rival no confronto direto. Sharapova soma 8 vitórias, contra 5 da chinesa.

Para chegar a sua terceira final no ano, Na Li precisou mostrar consistência contra Mattek-Sands, grande surpresa do torneio. A americana, 104ª do ranking, eliminou a italiana Sara Errani e a local Sabine Lisicki em seu caminho até a semifinal. A chinesa foi melhor no saque e soberana na disputa dos pontos mais importantes. Acabou faturando cinco quebras de saque sobre a adversária, encaminhando a vitória em 1h32min.

O resultado confirma a ascensão de Na Li após a torção no pé que sofreu na decisão do Aberto da Austrália. Ela chegou a ficar dois meses afastada das quadras antes de voltar a competir em Miami, quando alcançou as quartas de final. Em Stuttgart, ela disputa seu primeiro torneio no saibro na temporada.

MARROCOS

No Torneio de Marrakech, a italiana Francesca Schiavone vai enfrentar a espanhola Lourdes Dominguez Lino na briga pelo título. Há quase um ano sem disputar uma decisão, Schiavone avançou na competição ao derrotar a sul-africana Chanelle Scheepers por 7/6 (7/4) e 6/1.

Sua adversária precisou operar uma reação incrível para alcançar a final. Após levar 6/2 no set inicial, contra Mandy Minella, de Luxemburgo, Dominguez Lino cedeu apenas um game e virou o placar com incríveis 6/0 e 6/1.

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
tênisTorneio de StuttgartNa Li

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.