Kenzo Tribouillard/AFP
Kenzo Tribouillard/AFP

Nadal aproveita erros de Almagro e vence fácil em Roland Garros

Espanhol ganha por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/3 e 6/1

Estadão Conteúdo

28 de maio de 2015 | 11h01

Ainda buscando seu melhor tênis no saibro de Roland Garros, o espanhol Rafael Nadal contou mais uma vez com a ajuda do adversário para avançar com tranquilidade na chave do Grand Slam francês. Nesta quinta-feira, ele soube tirar proveito das falhas do compatriota Nicolás Almagro para vencer o jogo por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/3 e 6/1.

Com o triunfo, Nadal garantiu vaga na terceira rodada, quando terá pela frente o vencedor do confronto entre o austríaco Jürgen Melzer e o russo Andrey Kuznetsov. Eles se enfrentam ainda nesta quinta. Em busca do seu 10º título em Paris, Nadal acumula agora 68 vitórias em 69 jogos disputados na competição.

Diante do "freguês" Almagro, Nadal não teve maiores problemas para dominar o jogo. Controlou as jogadas do fundo da quadra e aproveitou os vacilos do rival. Almagro cometeu 38 erros não forçados, contra apenas 16 do favorito, em toda a partida. Com solidez no saque, Nadal sofreu poucas ameaças durante o jogo.

No set inicial, o cabeça de chave número seis faturou a primeira quebra de saque no terceiro game. Abrindo 2/1, manteve a vantagem, mesmo após desperdiçar outros seis break points. Na segunda parcial, a quebra também veio no início. Almagro, contudo, tentou reagir ao devolver a quebra. Nadal, então, se impôs no serviço do rival em outros dois games e fechou o set.

Passado o pequeno susto, o favorito massacrou Almagro na terceira parcial. Diante do desânimo do adversário, Nadal abriu 5/0 e não teve problemas - e não sofreu maior desgaste - para fechar o jogo em 2h22min.

OUTROS RESULTADOS

Cabeça de chave número nove, o croata Marin Cilic bateu o italiano Andrea Arnaboldi por 7/6 (7/3), 6/1 e 6/1, e também se garantiu na terceira rodada. O mesmo aconteceu com o espanhol Pablo Andújar, diante do 22º cabeça Philipp Kohlschreiber, da Alemanha, e do argention Leonardo Mayer, ao passar pelo polonês Jerzy Janowicz.

Já o australiano Bernard Tomic decepcionou ao cair diante do compatriota Thanasi Kokkinakis em uma batalha de cinco sets: 3/6, 3/6, 6/3, 6/4 e 8/6. Tomic era o 27º cabeça de chave do torneio. Outro compatriota, Nick Kyrgios não precisou suar para avançar. Ele contou com a desistência do britânico Kyle Edmund para seguir na competição.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisRoland GarrosRafael Nadal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.