Nadal arrasa Roddick e enfrentará Murray no Aberto dos EUA

O atual campeão do Aberto dos Estados Unidos, Rafael Nadal, venceu facilmente o norte-americano Andy Roddick por 6-2, 6-1 e 6-3, nesta sexta-feira, e se classificou para a semifinal do torneio contra o britânico Andy Murray.

REUTERS

09 de setembro de 2011 | 20h50

Nadal, o único tenista que não perdeu nenhum set na competição, começou bem a partida e abriu 4-0 contra Roddick, que teve o serviço quebrado por seis vezes durante todo o jogo, que durou uma hora e 53 minutos.

"Andy teve um jogo realmente duro ontem e provavelmente estava cansado", disse Nadal na quadra Arthur Ashe, referindo-se ao confronto de quatro sets entre Roddick, campeão nos EUA em 2003, e o espanhol David Ferrer pela rodada anterior.

O adversário de Nadal em busca de uma vaga na decisão será o quarto cabeça-de-chave Murray, que eliminou o norte-americano John Isner por 7-5, 6-4, 3-6 e 7-6.

"É sempre um prazer jogar contra Andy (Murray). Ele é provavelmente um dos jogadores com mais talento no circuito", disse Nadal.

A outra semifinal de sábado será entre o número um do mundo, Novak Djokovic, e o suíço Roger Federer, ganhador de 16 títulos em Grand Slams, sendo cinco deles no Aberto dos EUA.

A decisão do torneio acontece na segunda-feira devido aos atrasos nos jogos por causa da chuva que caiu por dois dias seguidos em Nova York.

Tudo o que sabemos sobre:
TENISNADALRODDICK*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.