Nadal atribui eliminação em Madri a falta de sorte

O espanhol Rafael Nadal foi surpreendente eliminado pelo francês Gilles Simon neste sábado, no Masters Series de Madri, e atribuiu a derrota a falta de sorte. "Eu fui um pouco azarado hoje (sábado). Cometi alguns erros com o backhand, o que não ajudou. Mas eu não estou surpreso. Ele (Simon) está jogando muito bem e com muita confiança", disse o atual número 1 do mundo, campeão do torneio em 2005.Se a derrota de Nadal foi decepcionante por ser em casa, o suíço Roger Federer, que também caiu nas semifinais, pareceu ainda mais desapontado pelo seu revés. "Foi uma derrota frustrante porque não havia muito para fazer, eu estava sacando bem hoje", lamentou Federer, que perdeu para o escocês Andy Murray. "Eu senti que estava jogando bem. Esta é a maneira como quero me sentir."Se os dois tenistas tivessem avançado à decisão do Masters Series de Madri, seria a quinta final entre eles neste ano. Agora, Murray e Simon jogarão pelo título neste domingo. Após eliminarem os favoritos, os finalistas deram explicações diferentes para o triunfo. Enquanto o francês destacou que "brigou por cada ponto", o escocês acha que o fundamental foi arriscar. "Contra o Federer, você simplesmente tem que se perguntar: ''eu arrisco ou me sento e espero?''", disse Murray.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.