Yong Teck Lim/AFP
Yong Teck Lim/AFP

Nadal atropela norte-americano em sua estreia no Masters de Indian Wells

Espanhol larga no torneio com vitória por 2 sets a 0 sobre Jared Donaldson, com duplo 6/1

Redação, Estadão Conteúdo

10 de março de 2019 | 23h49

Rafael Nadal não teve qualquer dificuldade para confirmar favoritismo em sua estreia no Masters 1000 de Indian Wells, no final da noite deste domingo, nos Estados Unidos. Cabeça de chave número 2 desta importante competição realizada em quadras duras, o tenista espanhol atropelou o norte-americano Jared Donaldson por 2 sets a 0, com duplo 6/1.

Atual vice-líder do ranking mundial, Nadal precisou de apenas 72 minutos em quadra para liquidar o jovem de 22 anos, convidado da organização para entrar na chave principal e que ocupa hoje a 192ª posição da ATP.

Dez anos mais velho do que Donaldson, o espanhol abriu campanha direto na segunda rodada em Indian Wells e se credenciou para enfrentar na próxima fase o argentino Diego Schwartzman, hoje o 26º tenista do mundo, que horas mais cedo superou o espanhol Roberto Carballes, também com facilidade, por 6/3 e 6/1.

Essa foi a segunda vez que Nadal enfrentou o jovem norte-americano no circuito profissional. Na primeira delas, em 2017, ele também foi arrasador ao aplicar parciais de 6/2 e 6/1 em partida válida pelo Masters 1000 de Xangai, na China.

Outro tenista da casa que atuou na programação noturna deste domingo em Indian Wells foi John Isner. Oitavo cabeça de chave, ele abriu a sua campanha massacrando o australiano Alexei Popyrin por 6/0 e 6/2. E o próximo rival de Isner também será um argentino. Trata-se de Guido Pella, que mais cedo superou Alex Bolt, outro tenista da Austrália, por 2 sets a 1, com 7/6 (7/5), 2/6 e 6/3.

Também foi definido no final da noite deste domingo o próximo rival do croata Marin Cilic, 10º cabeça de chave, na terceira rodada. É o canadense Denis Shapovalov, que passou pelo norte-americano Steve Johnson com parciais de 6/3 e 6/4.

Quem também avançou à terceira rodada em Indian Wells no fim desta noite foi o russo Karen Khachanov, 12º pré-classificado, que derrotou o espanhol Feliciano López por 2 sets a 1, com 6/3, 1/6 e 6/4. E seu rival seguinte será o seu compatriota Andrey Rublev, que muitas horas mais cedo passou pelo holandês Robin Haase, também por 2 a 1, com 6/3, 3/6 e 6/3.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisRafael Nadal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.