Mike FREY / AFP
Mike FREY / AFP

Nadal avança e decide título contra Cressy; Melo joga final de duplas em Adelaide

Tenista espanhol supera finlandês Emil Ruusuvuori por 2 sets a 0 no ATP 250 de Melbourne

Redação, O Estado de S.Paulo

08 de janeiro de 2022 | 11h29

Rafael Nadal venceu o finlandês Emil Ruusuvuori por 2 sets a 0, neste sábado, com parciais de 6/4 e 7/5, e garantiu vaga na final do ATP 250 de Melbourne, na Austrália, palco de diferentes torneios de tênis nesta semana. O adversário na grande decisão será Maxime Cressy, que ocupa apenas a 112ª colocação do ranking mundial e disputará uma final pela primeira vez na carreira, aos 24 anos.

Depois de riscos corridos por erros no saque durante o primeiro game, Nadal conseguiu se estabilizar e fechou o primeiro set com vitória por 6 a 4 ao obter uma quebra logo no primeiro break-point. Na segunda parcial, venceu três breaks dos quatro que teve ao seu favor, além de outros seis contra, para construir o triunfo por 7 a 5.

Nadal não competia desde o ATP 500 de Washington, disputado em agosto de 2021, quando foi eliminado pelo sul-africano Llyod Harris em sua segunda partida. “É um retorno importante após cinco meses fora de competições e significa muito para mim voltar na Austrália”, disse o espanhol após a vitória deste sábado. “Eu sei que meu tênis não está perfeito, mas é sobre ser paciente e fazer meu melhor”, completou.

Antes da vitória de Nadal, o primeiro finalista em Melbourne foi definido em um triunfo por 2 a 0, com parciais de 7/5 e 7/6 (11/9), aplicado por Maxime Cressy sobre o búlgaro Grigor Dmitrov. O norte-americano comemorou uma vaga inédita em finais e garantiu um lugar no top 100 pela primeira vez.

MARCELO MELO NA FINAL DE DUPLAS

Além do ATP 250 em Melbourne, a Austrália está sediando outros dois torneios de tênis masculino. Em Adelaide, onde está sendo realizado outro ATP 250, o brasileiro Marcelo Melo chegou à final de duplas ao lado do croata Ivan Dodig, graças a uma vitória por 2 a 1, com parciais de 6/3, 6/7(6/8) e 10/2 sobre o uruguaio Ariel Behar e o equatoriano Gonzalo Escobar.

O título será decidido contra os indianos Rohan Bopanna e Ramkumar Ramanathan, vencedores da semi contra o bósnio Tomislav Brkic e o mexicano Santiago González. Marcelo Melo não chegava a uma final deste 2020, quando foi campeão em Viena, jogando ao lado do polonês Lukasz Kubot.

Já em Sidney, sede da ATP Cup, o Canadá garantiu vaga na final após levar a melhor em duelos contra a Rússia, atual campeã. A classificação veio após uma vitória de Felix Auger-Aliassime e Denis Shapovalov sobre Daniil Medvedev e Roman Safiullin. Em um jogo parelho, os canadenses venceram por 2 a 1, com parciais de 4/6. 7/5 e 10/7. A final da Copa será contra a Espanha, no domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.