Nadal bate Federer e é tetra no Masters de Montecarlo

Espanhol bate o recorde de três títulos no torneio que pertencia a Nastase, Borg e Muster

EFE

27 de abril de 2008 | 13h35

Rafael Nadal derrotou Roger Federer, número um do mundo, por um duplo 7/5 na final do Masters Series de Montecarlo, e conquistou seu primeiro título na temporada. Em partida que durou uma hora e 44 minutos, O tenista espanhol venceu o suíço pela terceira vez seguida na decisão em Mônaco, e conquistou o tetracampeonato do torneio, disputado em quadra de saibro. Veja também: Nadal e Robredo conquistam título de duplas em Montecarlo Após perder as finais do torneio de Chennin, na Índia, e no Master Series de Miami, Nadal reafirma sua hegemonia no piso e mantém a invencibilidade de cinco anos em Monte Carlo.   No entanto, Federer começou bem a decisão, ao quebrar o serviço de Nadal no primeiro game, aproveitando a imprecisão do espanhol com a direita, mas logo depois o segundo colocado do Ranking de Entradas da ATP recuperou o break aparentemente sem esforço.   No sétimo game, o suíço voltou a quebrar o saque de Nadal, mas o espanhol devolveu, fechando o primeiro set em 51 minutos.   O segundo set teve muitos altos e baixos. Federer chegou a abrir 4 a 0, mas sofreu a virada do espanhol. A partir daí, cada um manteve seu serviço, até que Nadal aproveitou seu primeiro match point.   Assim, Federer continua sem ter o título de Monte Carlo em sua galeria, e Nadal amplia para 9 a 6 a vantagem em confrontos diretos contra o suíço.   Com a conquista, Nadal bate o recorde de títulos consecutivos no torneio que pertencia ao romeno Ilie Nastase (entre 1971 e 1973), e também o de três alternados do sueco Bjorn Borg (1977, 1979, 1980) e do austríaco Thomas Muster (1992, 1995, 1996).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.