Nadal diminui em 770 pontos diferença para Roger Federer

Depois de conquistar seu primeiro título nos últimos nove meses (Indian Wells), o espanhol Rafael Nadal diminuiu nesta segunda-feira em 770 pontos a diferença para o suíço Roger Federer, que é líder do ranking mundial da Associação de Tenistas Profissionais (ATP).Federer soma 7.715 pontos, contra 4.755 do espanhol, que derrotou na final do torneio norte-americano o sérvio Novak Djokovic, que por sua vez subiu três posições e pela primeira vez na carreira chegou ao top 10 do tênis mundial, com 2.060 pontos.Nadal, no entanto, se diz conformado com o segundo lugar. "Não estou competindo com Federer. Ele é o melhor da história e só quero me manter na melhor posição possível hoje em dia e voltar a ganhar um Grand Slam", contou o espanhol.Entre os brasileiros, o destaque ficou para Flávio Saretta, que com o vice-campeonato no challenger de Bogotá ganhou 18 posições e foi para 102.º lugar, com 428 pontos. De quebra, Saretta se tornou o melhor do País, já que ultrapassou Thiago Alves, 119.º colocado.Já Gustavo Kuerten ganhou dez postos e foi para 670.º.Atualizado às 17 horas

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.