Nadal é eliminado nas quartas, e Federer segue em Dubai

Ainda sofrendo com uma série de lesões, o espanhol Rafael Nadal, cabeça-de-chave número dois, foi eliminado nas quartas-de-final do Torneio de Dubai ao ser derrotado nesta quinta-feira pelo russo Mikhail Youzhny por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/5) e 6/3. A competição nos Emirados Árabes paga ao vencedor o prêmio de US$ 300 mil (R$ 630 mil) e distribui 300 pontos na Corrida dos Campeões da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP).Nadal, que é o atual campeão da competição, está com problemas musculares desde o início da temporada. Em janeiro, ele abandou o Torneio de Sydney por causa de uma contusão na virilha. Depois acabou caindo na semifinais do Aberto da Austrália, primeiro Grand Slam do ano, ao ser superado pelo chileno Fernando González nas semifinais.Com o resultado desta quinta, Youzhny, 18.º do mundo, igualou o triunfo com o espanhol pelo circuito profissional. Agora cada tenista possui três vitórias em seis jogos entre eles - o russo também havia levado a melhor no confronto anterior, no US Open, na temporada passada. Youzhny decidirá uma vaga na decisão contra o sueco Robin Soderling, que passou pelo francês Fabrice Santoro por 2 a 1, com 6/1, 6/7 (2/7) e 6/0.A outra semifinal será decidida entre o suíço Roger Federer, líder do ranking de entradas há 161 semanas consecutivas - recorde da história -, e o alemão Tommy Haas, quinto pré-classificado. Federer, que já conquistou o Torneio de Dubai em três ocasiões (2003, 2004 e 2005) eliminou o sérvio Novak Djokovic ao ganhar por 2 sets a 1, com 6/3, 6/7 (3/7) e 6/3. Já Haas superou com facilidade o belga Olivier Rochus por 6/0 e 6/2.Em confrontos entre Federer e Haas, o suíço possui ampla vantagem. Foram sete vitórias em nove jogos. O último triunfo do número 1 diante do adversário aconteceu nas semifinais do Torneio de Halle, na Alemanha, em 2006.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.