Edgar Su
Edgar Su

Nadal enfrenta Federer disposto a manter a hegemonia contra rival suíço

Espanhol leva a melhor no confronto geral, com 23 vitórias, contra 12 do adversário

O Estado de S.Paulo

15 de março de 2017 | 16h39

De um lado, Rafael Nadal, consagrado tenista espanhol, que acumula conquistas por onde passa. Do outro, o suíço Roger Federer, lenda viva do esporte. Donos de uma das mais acirradas rivalidades da modalidade, a dupla se enfrenta nesta quarta-feira, por volta das 21h, pelas oitavas de final do Masters 100 de Indian Wells, nos Estados Unidos.

Para chegar até esta fase, Nadal passou tranquilo por Fernando Verdasco. Federer, por sua vez, encontrou maiores dificuldades contra Steve Johnson, mas também fez sua parte. Agora, a expectativa é de um grande duelo, assim como aconteceu um mês e meio atrás, na inesquecível decisão do Grand Slam do Aberto da Austrália, vencido pelo suíço.

 

Se o último encontro entre eles não trás boas recordações para Nadal, o retrospecto geral está a seu favor. A "competição" entre eles começou em 2004, pelo Masters 1.000 de Miami, com a vitória do espanhol. Desde então, foram mais 34 confrontos, onde o número seis do ranking da ATP venceu 23, contra apenas 12 vitórias do oponente, quatro posições abaixo.

Independente de quem avance, a tendência é de nova pedreira nas quartas de final. O vencedor terá pela frente quem passar entre Novak Djokovic e Nick Kyrgios.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.