Nadal e seleção espanhola levam prêmio Laureus

A Espanha saboreou uma dupla comemoração nesta segunda-feira, quando o tenista Rafael Nadal e a seleção de futebol do país conquistaram os principais prêmios do Laureus, considerado o Oscar do esporte.

REUTERS

07 de fevereiro de 2011 | 16h25

Nadal foi eleito o Esportista do Ano por sua ótima temporada, em que ganhou os títulos de Roland Garros, Wimbledon e o Aberto dos EUA, enquanto a seleção espanhola, campeã da Copa do Mundo da África do Sul, levou o prêmio Equipe do Ano, em uma cerimônia da qual participaram celebridades e grandes esportistas.

A alpinista norte-americana Lindsay Vonn, medalhista de ouro nos Jogos de Inverno de Vancouver, em fevereiro, poucos dias depois de sofrer uma lesão na canela, foi nomeada a Esportista do Ano.

Espanha, Estados Unidos e Alemanha foram os maiores vencedores, com cada país ganhando dois prêmios.

Houve uma homenagem ao ex-jogador de futebol francês Zinedine Zidane, que ganhou um prêmio especial por suas conquistas na carreira.

Os prêmios são concedidos aos destaques esportivos no ano. O ator vencedor do Oscar Kevin Spacey apresentou o evento.

Veja os ganhadores do prêmio em sete categorias:

O Esportista do Ano: Rafael Nadal (Espanha)

A Esportista do Ano: Lindsey Vonn (EUA)

Equipe do Ano: seleção da Espanha campeã mundial de futebol

Maior avanço do Ano: Martin Kaymer (Alemanha)

Retorno do Ano: Valentino Rossi (Itália)

Paraesportista do ano: Verena Bentele (Alemanha)

Esportista Radical do Ano: Kelly Slater (EUA)

Prêmio por conquistas na carreira: Zinedine Zidane (França)

Espírito esportivo: equipe europeia da Copa Ryder

Esporte para o bem: May El-Khalil, fundador da Maratona de Beirute

(Reportagem de Stanley Carvalho)

Tudo o que sabemos sobre:
TENISFUTPREMIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.