Nadal elogia público e agradece apoio após título

Primeiro campeão da história do Rio Open, Rafael Nadal vai embora do Brasil satisfeito. Com a vitória por 2 sets a 0 sobre o ucraniano Alexandr Dolgopolov, o espanhol manteve a escrita de nunca ter perdido em competições no País, onde acumula 14 partidas de invencibilidade - ele foi campeão do Brasil Open duas vezes, uma na Costa do Sauipe e outra em São Paulo.

MARCIO DOLZAN, Agência Estado

23 de fevereiro de 2014 | 21h40

"As três vezes que competi aqui eu consegui o título. Vou para casa com a sensação de que o Brasil é especial para mim, e espero voltar ano que vem ao Rio", afirmou Nadal, logo após o título.

O espanhol também se disse encantado pelo público carioca. "As pessoas aqui no Rio são muito simpáticas, todo mundo me tratou com muito carinho, me animaram muito", disse. "Foi uma semana muito bonita esta minha primeira vez aqui no Rio."

Contente pelo seu desempenho, após mais de três semanas afastado das quadras devido a uma lesão nas costas, que sentiu na final do Aberto da Austrália, Nadal também elogiou seu adversário da final. "Ele é um pouco diferente do habitual, tem golpes que poucos conseguem produzir, combina bolas longas e curtas", analisou.

"Ele fez partidas de alto nível contra o [Nicolas] Almagro, contra o [Fabio] Fognini e contra o [David] Ferrer, que são jogadores de alto nível. Tive uma partida complicada, mas fiz um jogo sólido", avaliou.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisRio OpenNadal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.