Charles Platiau/Reuters
Charles Platiau/Reuters

Nadal exalta peso de título em Roma para ele poder ganhar Roland Garros de novo

Espanhol também disse que nunca sonhou ganhar o Grand Slam francês doze vezes

Redação, Estadao Conteudo

09 de junho de 2019 | 17h14

Depois de conquistar o seu 12º título de Roland Garros, Rafael Nadal exaltou a importância que teve o título do Masters 1000 de Roma, obtido no mês passado, para ele poder voltar a fazer história no Grand Slam francês. O tenista espanhol ganhou, na capital italiana, o seu primeiro troféu na temporada depois de ter amargado eliminações nas semifinais que fez no Masters de Montecarlo e no Torneio de Barcelona nesta temporada de saibro.

"A semana de Roma foi decisiva e tem muito a ver com ter este troféu agora aqui", afirmou o atual vice-líder do ranking mundial, que na competição espanhola foi eliminado justamente pelo austríaco Dominic Thiem, agora superado por 3 sets a 1 neste reencontro na decisão deste domingo em Paris.

No caso, este título obtido em Roma teve um peso importante para a confiança de Nadal, pois para conquistá-lo ele venceu o sérvio Novak Djokovic, líder do ranking mundial, na decisão, depois de ter eliminado nas semifinais o grego Stefanos Tsitsipas. Este último foi o algoz do espanhol no Masters de Montecarlo.

Para Nadal, faturar este título de Roland Garros também é a realização de um sonho que para ele próprio parece irreal, pois reconhece que não imaginava chegar nem perto deste feito quando começou a dar os seus primeiros passos no tênis.

"Sonhar em ganhar este torneio por 12 vezes, eu nunca sonhei. Quando eu era jovem e tinha 12 ou 14 anos, só pensava em meu seguinte treino e nos torneios na Espanha, mas depois as coisas foram mudando, e agora somente posso agradecer a todas as pessoas que me apoiam e à minha família, que esteve me apoiando nos momentos complicados", disse o espanhol.

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.