Nadal vai às quartas de final em Montecarlo; Berdych cai

O espanhol Rafael Nadal deu novo passo, nesta quinta-feira, em sua trilha para conquistar o seu nono título consecutivo do Masters 1.000 de Montecarlo. O atual octocampeão avançou às quartas de final da competição ao vencer o alemão Philipp Kohlschreiber por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/4.

AE, Agência Estado

18 de abril de 2013 | 09h09

Nadal teve mais dificuldades do que na estreia da última quarta, quando bateu o australiano Marinko Matosevic por 6/1 e 6/2, mas confirmou com tranquilidade o seu favoritismo diante do alemão que foi o responsável pela eliminação do brasileiro Thomaz Bellucci logo na primeira rodada no Principado de Mônaco.

O atual quinto colocado do ranking mundial precisou de uma hora e 20 minutos em quadra para despachar Kohlschreiber. Com isso, Nadal se credenciou para enfrentar na próxima fase o búlgaro Grigor Dimitrov, que nesta quinta superou o alemão Florian Mayer por 2 sets a 0, também com parciais de 6/2 e 6/4.

Para seguir sua caminhada rumo a mais um troféu no saibro de Montecarlo, Nadal aproveitou três de sete chances de quebrar o saque de Kohlschreiber e foi absoluto quando sacou, pois não cedeu nenhum break point ao alemão e ganhou 88% dos pontos que disputou quando encaixou o seu primeiro serviço.

BERDYCH É SURPREENDIDO - Se Nadal avançou com tranquilidade às quartas de final, Tomas Berdych acabou sendo surpreendido pelo italiano Fabio Fognini nesta quinta-feira e deu adeus ao torneio monegasco. Quarto cabeça de chave, o tenista checo caiu por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2.

Com a surpreendente vitória sobre o atual sexto colocado do ranking mundial, Fognini se garantiu nas quartas, fase na qual medirá forças contra o ganhador do duelo entre o francês Richard Gasquet e o croata Marin Cilic, também programado para acontecer nesta quinta.

Já o francês Jo-Wilfried Tsonga, sexto cabeça de chave, justificou com autoridade o seu favoritismo para ir às quartas de final nesta quinta-feira. O atual oitavo tenista do ranking mundial arrasou o austríaco Jurgen Melzer com parciais de 6/3 e 6/0.

O próximo rival de Tsonga também será conhecido nesta quinta-feira e sairá do duelo entre o britânico Andy Murray e o suíço Stanislas Wawrinka.

SOARES CAI NAS DUPLAS - Em outro duelo já encerrado nesta quinta, o brasileiro Bruno Soares foi eliminado do torneio de duplas do Masters 1.000 de Montecarlo. Ele e o austríaco Alexander Peya foram derrotados pela parceria formada pelo francês Julien Benneteau e o sérvio Nenad Zimonjic por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (9/7) e 6/4.

Com a vitória sobre Soares e Peya, Benneteau e Zimonjic foram às quartas de final e terão pela frente nesta sexta-feira os vencedores da partida entre a dupla formada pelos britânicos Colin Fleming e Jonathan Marray e a parceria firmada entre o paquistanês Aisam-Ul-Haq Qureshi e o holandês Jean-Julien Rojer.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.