Nadal vence e duela com Murray no Aberto da Austrália

Número 2 do mundo teve trabalho para superar Ivo Karlovic por 3 sets a 1; britânico passou por John Isner

AE, Agencia Estado

24 de janeiro de 2010 | 12h25

Andrew Brownbill/AP

Espanhol Rafael Nadal teve trabalho para devolver o saque do gigante Ivo Karlovic, de 2,08 metros

MELBOURNE - O espanhol Rafael Nadal confirmou o favoritismo e avançou neste domingo às quartas de final do Aberto da Austrália, primeiro Grand Slam da temporada. Atual campeão do torneio e número 2 do ranking da ATP, ele passou pelo croata Ivo Karlovic em quatro sets, com parciais de 6/4, 4/6, 6/4 e 6/4.

Nadal mais uma vez não jogou em seu nível mais alto, mas conseguiu suportar os fortes saques do rival, o jogador mais alto do circuito, com 2,08 metros. Karlovic acertou 28 aces na partida, mas complicou-se nas trocas de bola no fundo da quadra.

Na próxima rodada, o espanhol terá pela frente seu maior desafio até o momento na competição - o britânico Andy Murray. Quarto colocado do ranking, Murray também enfrentou outro rival de saque poderoso, mas não teve dificuldades para superar o norte-americano John Isner, em três sets, com parciais de 7/6 (7/4), 6/3 e 6/2.

Outro confronto das quartas de final, também definido neste domingo, será entre o croata Marin Cilic e o norte-americano Andy Roddick. Cilic precisou de cinco sets e 20 aces para superar o argentino Juan Martin del Potro, com parciais de 5/7, 6/4, 7/5, 5/7 e 6/3.

Roddick fez uma partida igualmente disputada contra o chileno Fernando González e venceu por 3 sets a 2, com parciais de 6/3, 3/6, 4/6, 7/5, 6/2. Depois de um bom início de jogo, o sul-americano começou a falhar muito, sobretudo quando teve o serviço - ele cometeu nove duplas faltas, a última delas no ponto final do confronto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.