Navratilova critica pai de Dokic

Martina Navratilova, ex-líder do ranking mundial, criticou neste domingo o pai da tenista belga Jelena Dokic, Damir Dokic, por declarar a um jornal que se suicidaria se soubesse que a filha é lésbica. ?Ainda bem que não é meu pai. Se ele acha que isso é o mais importante em respeito à filha, tenho pena dele?, disse Martina Navratilova, homossexual assumida. Ela disputa um torneio preparatório para o Aberto da Austrália, em que jogará ao lado da russa Svetlana Kuznetsova, de 17 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.