Nishikori abandona e Seppi será adversário de Federer na final em Halle

O italiano Andreas Seppi não precisou ficar nem 15 minutos em quadra neste sábado para se garantir na decisão do Torneio de Halle, na Alemanha. Pela segunda vez consecutiva, ele contou com a desistência de um rival para avançar na chave. Desta vez foi o japonês Kei Nishikori quem precisou abandonar a partida, ainda no primeiro set, quando perdia por 4 a 1.

Estadão Conteúdo

20 de junho de 2015 | 11h45

Com isso, Seppi terá a oportunidade de lutar pelo seu quarto título na carreira, que seria o primeiro desde 2012. Para isso, terá que superar uma longa freguesia diante de Federer, uma vez que venceu somente uma das 12 partidas disputadas entre eles. A única vitória aconteceu justamente este ano, no Aberto da Austrália.

Além disso, Seppi possui um ranking bem pior que o do rival, uma vez que é apenas o número 45 do mundo e Federer é o segundo colocado na lista. O suíço vai em busca simplesmente de seu 86.º título na carreira.

A sorte, no entanto, parece estar do lado de Seppi. Além de Nishikori, o italiano já havia contado com a desistência de outro adversário nas quartas de final para seguir vivo. Na ocasião, vencia o francês Gael Monfils por 1 set a 0 e 1 a 0 na segunda parcial quando o adversário precisou abandonar.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisTorneio de HalleAndreas Seppi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.