Lynne Sladky/ AP
Lynne Sladky/ AP

Nishikori leva susto, mas bate Verdasco e vai às oitavas de final em Miami

Em 2h40min de disputa, japonês supera Fernando Verdasco por 2 sets a 1

Estadao Conteudo

26 de março de 2017 | 16h26

Atual vice-campeão do Masters 1000 de Miami, Kei Nishikori não teve facilidade para se manter vivo nesta edição do torneio norte-americano. Segundo cabeça de chave da competição, o tenista japonês precisou de 2h40min em quadra neste domingo para superar o experiente espanhol Fernando Verdasco por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/2), 6/7(5/7) e 6/1.

Com o triunfo, Nishikori avançou às oitavas de final e se credenciou para enfrentar o argentino Federico Delbonis, que em outro jogo já encerrado neste dia de confrontos nos Estados Unidos derrotou o alemão Jan-Lennard Struff por 7/6 (7/5) e 6/1.

Essa foi a terceira vitória de Nishikori, atual quarto tenista do ranking mundial, em cinco jogos com Verdasco, o 30º da ATP, que já havia dado bastante trabalho ao japonês nos dois confrontos anteriores entre os dois. No ano passado, o tenista oriental só triunfou diante do espanhol em Roland Garros após cinco sets, assim como no Masters 1000 de Indian Wells de 2015 precisou buscar uma virada para liquidar o adversário em três parciais.

Antes disso, Verdasco havia passado por Nishikori no Aberto da Austrália de 2011 e no Torneio de Barcelona de 2012. E, neste novo reencontro com o rival, o tenista de 33 anos de idade chegou a salvar um match point no segundo set e conseguiu uma virada no tie-break desta mesma parcial quando perdia por 5/3 para forçar o terceiro set.

Desde o primeiro set, por sua vez, o japonês teve dificuldades diante de Verdasco, que só foi ser superado no tie-break desta parcial inicial. A partir do segundo set, porém, o espanhol começou a sofrer com problemas físicos, solicitando atendimento de um fisioterapeuta por quatro vezes por causa de dores no cotovelo e no antebraço esquerdo. Até por isso, acabou sendo liquidado de forma rápida por Nishikori no terceiro set.

O japonês joga em Miami como segundo cabeça de chave por causa das ausências do britânico Andy Murray e do sérvio Novak Djokovic, respectivos primeiro e segundo colocados do ranking da ATP, que desistiram de disputar o torneio por motivo de lesão.

Em outro jogo encerrado há pouco em Miami, o francês Nicolas Mhut também se garantiu nas oitavas de final ao bater o argentino Guido Pella por 2 sets a 0, com 6/4 e 6/3. O seu próximo rival sairá do duelo entre o espanhol Rafael Nadal e o alemão Philipp Kohlschreiber, também programado para acontecer neste domingo.

Tudo o que sabemos sobre:
Kei NishikoriFernando Verdascotênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.