Sebastien Nogier/EFE
Sebastien Nogier/EFE

Novak Djokovic bate Rafael Nadal e conquista o título em Montecarlo

O sérvio venceu por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 7/6 (7/1), em 1 hora e 52 minutos

AE, Agência Estado

21 de abril de 2013 | 12h16

MONTECARLO - O número 1 do mundo encerrou com uma grande atuação o reinado de Rafael Nadal no Masters 1000 de Montecarlo. Neste domingo, o sérvio Novak Djokovic confirmou a sua condição de líder do ranking da ATP e derrotou o espanhol na decisão do torneio, disputado em quadras de saibro, por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 7/6 (7/1), em 1 hora e 52 minutos.

Assim, Djokovic impediu que Nadal, atualmente o número 5 do mundo, se tornasse o primeiro jogador da Era Aberta do tênis a ser campeão por nove vezes o mesmo torneio. O espanhol havia vencido as oito edições anteriores do Masters 1000 de Montecarlo e vinha em uma sequência de 46 vitórias no torneio, em que só tinha perdido apenas uma vez, em 2003.

Todas essas impressionantes marcas de Nadal ruíram neste domingo diante de Djokovic, que chegou a ser dúvida para o Masters 1000 de Montecarlo, mas conquistou pela primeira vez o título desta competição após perder duas vezes na decisão para Nadal, em 2009 e 2012.

Mas dessa vez foi diferente. E Djokovic obteve a sua 15ª vitória em 34 partidas contra Nadal. Este foi apenas o terceiro triunfo do sérvio em 15 jogos diante do espanhol em quadras de saibro. Já em decisões, os números estão iguais, com oito vitórias para cada tenista. Agora, o número 1 do mundo passa a acumular 37 títulos na sua carreira, sendo 14 dos Masters 1000.

O primeiro set da final, que teve o seu início atrasado em razão da chuva em Montecarlo, foi um passeio de Djokovic. O sérvio chegou a abrir 5/0, com quebras de serviço no segundo e quarto games, e quase aplicou um "pneu" em Nadal. O espanhol salvou cinco set points no seu serviço no sexto game e esboçou uma reação no game seguinte ao devolver uma das quebras de serviço. Porém, perdeu o seu saque no oitavo game ao cometer uma dupla-falta, definindo o triunfo de Djokovic por 6/2.

O segundo set da decisão do Masters 1000 de Montecarlo foi bem mais equilibrado. Nadal conseguiu a primeira quebra de saque da parcial no quinto game, que foi devolvida no oitavo por Djokovic. O espanhol voltou a converter um break point no 11º game e em seguida sacou para fechar o set.

Porém, Nadal não fez sequer um ponto e perdeu o serviço, o que provocou a realização do tie-break. No momento de definição, Djokovic foi bem superior e venceu por 7/1 para encerrar o reinado de Nadal em Montecarlo e conquistar pela primeira vez o título desse Masters 1000.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.