Johannes Eisele / AFP
Johannes Eisele / AFP

Novo vice-líder da ATP, Novak Djokovic fica a apenas 215 pontos de Rafael Nadal

Com uma lesão no joelho esquerdo, tenista espanhol pode perder o topo para sérvio

Estadão Conteúdo

15 Outubro 2018 | 08h50

O quarto título do Masters 1000 de Xangai, na China, colocou Novak Djokovic em segundo lugar no ranking da ATP a 215 pontos do líder Rafael Nadal. O sérvio, que chegou a 7.445 pontos e superou o suíço Roger Federer na lista, poderá alcançar o espanhol - que tem 7.660 e não tem data de retorno às quadras por causa de lesão no joelho direito - após a disputa dos torneios de Viena e da Basileia (ambos ATP 500).

O croata Borna Coric, vice-campeão em Xangai, após eliminar Federer na semifinal, subiu seis postos no ranking e agora aparece em 13.º lugar com 2.415 pontos, atrás do belga David Goffin, que soma 2.855.

O Brasil continua sem um representante entre os Top 100. Thiago Monteiro surge em 114.º lugar com 505 pontos, enquanto que Rogério Dutra Silva, com 390, está em 149.º. Guilherme Clezar aparece na 208.ª posição com 263 pontos, 44 posições à frente de Thomaz Bellucci, 252.º colocado com 213.

DUPLAS

A conquista do título de duplas em Xangai classificou Marcelo Melo e seu companheiro Lucasz Kubot, da Polônia, na quarta colocação do ranking de duplas, com 6.600 pontos. Já Bruno Soares, vice-campeão na China, ocupa o 10.º lugar, com 5.610. O norte-americano Mike Bryant, com 9.350 pontos, lidera a lista.


Confira os 20 primeiros colocados no ranking da ATP:

1.º - Rafael Nadal (ESP) - 7.660 pontos

2.º - Novak Djokovic (SER) - 7.445

3.º - Roger Federer (SUI) - 6.260

4.º - Juan Martin Del Potro (ARG) - 5.860

5.º - Alexander Zverev (ALE) - 5.025

6.º - Marin Cilic (CRO) - 4.185

7.º - Dominic Thiem (AUT) - 3.825

8.º - Kevin Anderson (AFS) - 3.775

9.º - Grigor Dimitrov (BUL) - 3.440

10.º - John Isner (EUA) - 3.290

11.º - Kei Nishikori (JAP) - 2.910

12.º - David Goffin (BEL) - 2.855

13.º - Borna Coric (CRO) - 2.415

14.º - Fabio Fognini (ITA) - 2.315

15.º - Kyle Edmund (GBR) - 2.125

16.º - Stefanos Tsitsipas (GRE)- 2.007

17.º - Diego Schwartzman (ARG) - 1.940

18.º - Jack Sock (EUA) - 1.850

19.º - Marco Cecchinato (ITA) - 1.838

20.º - Milos Raonic (CAN) - 1.810

114.º - Thiago Monteiro (BRA) - 505

149.º - Rogério Dutra Silva (BRA) - 390

208.º - Guilherme Clezar (BRA) - 263

252.º - Thomaz Bellucci (BRA) - 213

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.