Charles Krupa/ AP
Charles Krupa/ AP

Paire vence e será primeiro rival de Nadal no Masters de Toronto

Francês passa pelo americano Jared Donaldson por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4

Estadão Conteúdo

06 Agosto 2018 | 16h49

De volta às quadras, após três semanas de descanso e treinos, Rafael Nadal conheceu nesta segunda-feira seu primeiro adversário na chave do Masters 1000 de Toronto, no Canadá. O espanhol, atual número 1 do mundo, vai enfrentar o francês Benoit Paire, que estreou com vitória na quadra dura canadense, nesta tarde.

+ Burzanescu entra no Top 20 do ranking da WTA com título na Califórnia

+ Dimitrov sobe para quinto no ranking da ATP e Bellucci deixa o Top 300

Para se credenciar para o duelo com o líder do ranking, Paire precisou superar o norte-americano Jared Donaldson pelo placar de 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, em apenas 1h10min de duelo.

O confronto entre o francês e Nadal será apenas o quarto no circuito profissional. Nadal venceu os três anteriores, sem nunca ceder um set sequer ao adversário, atual 55º do ranking. Eles não se enfrentam desde o Torneio de Roland Garros do ano passado.

Nadal não entra em quadra desde sua queda na semifinal de Wimbledon, para o sérvio Novak Djokovic, num grande batalha de cinco sets. Desde então, o espanhol vinha se preparando para nova sequência de torneios disputados sobre quadra dura, que vão culminar no US Open, no fim do mês.

O jogo entre Paire e Donaldson foi apenas um dos cinco disputados nesta segunda que puderam ser finalizados antes de a chuva interromper a programação do dia. Pela previsão inicial, devem entrar em quadra ainda nesta segunda o local Milos Raonic, o belga David Goffin, o argentino Diego Schwartzman e os espanhóis David Ferrer e Pablo Carreño Busta.

Entre as partidas finalizadas, o espanhol Fernando Verdasco bateu o alemão Peter Gojowczyk por duplo 6/2, enquanto o local Peter Polansky superou o australiano Matthew Ebden por 7/6 (7/3) e 6/4. O bielo-russo Ilya Ivashka despachou o japonês Yuichi Sugita por 6/2 e 6/3 e o húngaro Marton Fucsovics derrotou o português João Sousa por 6/4 e 7/6 (7/2).

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.