Pete Sampras diz que terá recorde superado por Federer

Norte-americano, que venceu 14 vezes torneios Grand Slam, pode ter marca igualada neste domingo pelo suíço

Agencia Estado

30 de janeiro de 2009 | 20h01

O norte-americano Pete Sampras, um dos maiores tenistas de todos os tempos, admitiu nesta sexta-feira que seu recorde de 14 títulos de torneios Grand Slam está perto do fim. No domingo, o suíço Roger Federer pode igualar a marca - ele enfrenta Rafael Nadal na decisão do Aberto da Austrália. Sampras afirmou que, por um tempo, chegou a pensar que permaneceria para sempre como recordista. Mas parece já ter mudado de ideia diante da boa forma mostrada por Federer em Melbourne."Eu realmente achei que 14 títulos era um número difícil de ser igualado e superado. Mas Roger simplesmente apareceu e dominou o jogo de uma forma que eu jamais consegui", afirmou Sampras, dono de dois títulos na Austrália, cinco no US Open e sete em Wimbledon.Segundo o norte-americano, Federer tem condições de jogar em alto nível para chegar a 18 ou 19 conquistas. O suíço coleciona cinco títulos em Wimbledon, cinco no US Open e três na Austrália. Em sua lista, só falta uma conquista em Roland Garros - onde Sampras também nunca venceu.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisPete SamprasRoger Federer

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.