Jewel Samad/AFP
Jewel Samad/AFP

Petra Kvitova mantém embalo e estreia com vitória fácil no Aberto da Austrália

Checa conquistou o título do Torneio de Sydney na última semana

Redação, Estadão Conteúdo

14 de janeiro de 2019 | 11h09

Embalada por um bom início de temporada - inclusive com o título do Torneio de Sydney, na semana passada, que a fez subir para a sexta colocação do ranking da WTA -, a checa Petra Kvitova começou muito bem nesta segunda-feira a disputa do Aberto da Austrália, em Melbourne. Na estreia pelo primeiro Grand Slam de 2019, vitória tranquila sobre a eslovaca Magdalena Rybarikova por 2 sets a 0 - com parciais de 6/3 e 6/2, em 1 hora e 7 minutos.

Cabeça de chave número 8, Kvitova já sabe quem será a sua adversária na segunda rodada. A tenista da República Checa terá pela frente a romena Irina-Camelia Begu, atual número 70 do mundo, que contou com a desistência por lesão da alemã Andrea Petkovic. A 63.ª colocada da WTA havia ganhado o primeiro set no tie-break (7/3) e perdia o segundo por 4 a 3 quando teve de abandonar após 1 hora e 47 minutos de jogo.

Em quadra, Kvitova teve problemas para achar um ritmo de jogo contra a atual número 51 do mundo. A checa conseguiu, a muito custo, uma quebra de saque no primeiro set para fechar a parcial em 6/3, mas deslanchou no segundo. Com uma avalanche de winners - foram 19 no total, contra apenas seis erros não forçados -, não deu chances para Rybarikova.

Em Melbourne, Kvitova disputa o Aberto da Austrália pela 10.ª vez em sua carreira - virou profissional em 2006. Sua melhor campanha aconteceu em 2012, quando caiu nas semifinais para a russa Maria Sharapova. Com a vitória desta segunda-feira, já superou o desempenho do ano passado - foi batida na estreia por Andrea Petkovic.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.