Site Oficial / WTA
Site Oficial / WTA

Principal favorita, Mladenovic é surpreendida por Rybarikova em torneio chinês

Outra cabeças de chave, Sloane Stephens e Anastasia Pavlyuchenkova também são derrotadas

Estadão Conteúdo

01 Novembro 2017 | 13h06

Principal cabeça de chave do Torneio de Zhuhai, competição chamada pela WTA de Elite Trophy e que reúne as tenistas mais bem ranqueadas depois daquelas oito melhores que disputaram o Masters da WTA, em Cingapura, na semana passada, a francesa Kristina Mladenovic foi derrotada pela eslovaca Magdalena Rybarikova por 2 sets a 1, com parciais de 7/5, 1/6 e 7/6 (7/5), nesta quarta-feira, na China.

+ Bia Haddad Maia supera as lesões e tem seu melhor ano no tênis

+ Kerber perde de rival russa em estreia no Torneio de Zhuhai

Décima pré-classificada do evento e atual 22ª colocada do ranking mundial, Rybarikova havia sido superada pela alemã Julia Görges na última terça, mas reagiu nesta quarta para surpreender a 10ª tenista da listagem da WTA.

Com a vitória, Rybarikova assumiu a vice-liderança do Grupo A do torneio, que conta com quatro chaves, sendo que apenas a líder de cada uma delas avançará às semifinais. A primeira colocada deste Grupo A é Julia Görges.

E, se Mladenovic perdeu, as outras duas principais cabeças de chave que foram para quadra em Zhuhai nesta quarta-feira também acabaram sendo derrotadas. Uma delas foi a norte-americana Sloane Stephens, atual campeã do US Open e terceira pré-classificada na China, que caiu diante da letã Anastasija Sevastova com parciais de 7/5 e 6/3. Já a russa Anastasia Pavlyuchenkova, quarta tenista no ranking de favoritas, foi batida pela australiana Ashleigh Barty por 6/4 e 6/1.

O torneio chinês conta com um total de 12 tenistas divididas em quatro grupos. Com o triunfo desta quarta, Sevastova se garantiu na liderança do Grupo C, enquanto Stephens é a terceira e última colocada e a checa Barbora Strycova figura em segundo lugar.

Ashleigh Barty, por sua vez, assumiu a liderança do Grupo D, ficando logo à frente de Pavlyuchenkova. A alemã Angelique Kerber, ex-líder do ranking e derrotada na estreia na última terça, ocupa a lanterna da chave.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.