Vivek Prakash/AFP
Vivek Prakash/AFP

Promessa ucraniana vence francesa e fatura o título do Torneio de Strasbourg

Ela ocupa a 42.ª colocação no ranking da WTA e certamente subirá posições com o desempenho vitorioso em Strasbourg.

Redação, Estadão Conteúdo

25 de maio de 2019 | 15h22

Aos 19 anos, Dayana Yastremska está se consolidando como uma das jovens tenistas mais talentosas do circuito profissional. Neste sábado, a ucraniana desbancou o favoritismo da francesa Caroline Garcia, número 24 do mundo, ao vencer a rival por 2 sets a 1 e conquistar o Torneio de Strasbourg, na França.

Yastremska precisou salvar um match point para triunfar no saibro francês. A ucraniana, corajosa, técnica e aguerrida, cresceu no tie break do set derradeiro e venceu o duelo com as parciais de 6/4, 5/7 e 7/6 (7/3). A partida teve quase três horas de duração.

Foi o terceiro título de WTA da carreira de Yastremska, que levou o troféu em Hong Kong, em 2018, e neste ano foi campeã em Hua Hin, na Tailândia. Ela ocupa a 42.ª colocação no ranking da WTA e certamente subirá posições com o desempenho vitorioso em Strasbourg.

Já Caroline Garcia, campeã do torneio em 2016, soma seis títulos de WTA. A francesa chegou a figurar entre as quatro melhores tenistas do mundo e disputou a nona final da carreira. Ambas se preparam para a disputa de Roland Garros, o segundo Grand Slam da temporada, que começa neste domingo. Yastremska estreia contra a espanhola Carla Suárez Navarro, cabeça de chave 28, e Garcia enfrenta a alemã Mona Barthel.

NA ALEMANHA

A tenista Yulia Putintseva, do Casaquistão, faturou o Torneio de Nuremberg, o seu primeiro título de WTA. A casaque, principal cabeça de chave da competição, derrotou a eslovena Tamara Zidansek de virada por 4/6, 6/4 e 6/2 para triunfar no saibro alemão.

Putintseva está posicionada no 39.º lugar do ranking e chegou ao seu primeiro troféu expressivo depois de ser vice duas vezes - uma em São Petersburgo, na Rússia, em 2017, e depois perdeu a final do Torneio de Guagnzhou, na China, no ano passado. Aos 21 anos, Zidansek jogou a sua primeira final na carreira e é a número 68 do mundo.

Em Roland Garros, Putintseva debuta contra a sueca Rebecca Peterson e Zidansek faz seu primeiro jogo no torneio francês diante da belga Elise Mertens.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisDayana Yastremska

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.