Radwanka e Pliskova vencem e duelam nas semifinais em Tianjin

A polonesa Agnieszka Radwanska e a checa Karolina Pliskova vão se enfrentar em uma das semifinais do Torneio de Tianjin, na China. Nesta sexta-feira, as cabeças de chave confirmaram o favoritismo na competição e triunfaram em partidas definidas em dois sets e válidas pelas quartas de final.

Estadão Conteúdo

16 de outubro de 2015 | 10h10

Número 6 do mundo, Radwanska derrotou a russa Elizaveta Kulichkova, 103ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/3) e 6/2, em 1 hora e 27 minutos. A polonesa converteu cinco de oito break points e perdeu o seu saque em três oportunidades.

Além disso, a polonesa disparou três aces e venceu 65% dos disputados no seu primeiro serviço. Kulichkova até teve um aproveitamento melhor - 71% -, mas só conseguiu colocar o seu primeiro saque em quadra em 37% das tentativas.

A próxima adversária de Radwanska vai ser Pliskova. A número 15 do mundo se classificou às semifinais ao derrotar a húngara Timea Babos, 74ª colocada no ranking da WTA, por 2 a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, em 1 hora e 1 minuto. Pliskova fez 11 aces na partida e ainda salvou os cinco break points que Babos teve. Além disso, converteu quatro de sete para avançar às semifinais de Tianjin.

A polonesa entrará em quadra com a vantagem de 4 a 0 no retrospecto com a checa. O duelo entre Radwanska e Pliskova apontará uma das finalistas do Torneio de Tianjin e também é importante para a definição das participantes do Masters da WTA, que reunirá as oito melhores tenistas da temporada. A polonesa, inclusive, estará automaticamente classificada se for campeã em Tianjin.

A outra semifinal do torneio chinês também está definida. Algoz da brasileira Teliana Pereira, Danka Kovinic (75ª) venceu a chinesa Ying-Ying Duan (123ª) por 2 a 1 (7/5, 3/6 e 6/3) e agora vai encarar a sérvia Bojana Jovanovski (90ª), que derrotou a francesa Kristina Mladenovic (27ª) por 6/4, 4/6 e 6/3.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.